Deslizamento Semântico e a importância das palavras

Pesquisando na internet, descobri o estudo da professora de Psicologia da PUC-RJ Ana Maria Nicolaci-da-Costa, intitulado Quando o Velho Esconde o Novo: Antigas Palavras, Novos Significados. Ali ela analisa o papel das palavras em épocas de grandes mudanças sociais. Fiquei interessadíssima pois o conteúdo embasa academicamente todo o processo de construção do FikaConversas, cujo propósito é fazer pontes com o contemporâneo através da compreensão do significado de palavras atuais.

Consegui localizá-la e marquei uma visita para falarmos do FikaConversas. Saí preenchida de novos saberes deste encontro tão significativo. Conhecer a Ana, esta pessoa tão contemporânea e cheia da vida, foi fundamental para que eu tivesse ainda mais certeza da importância das palavras em nossas vidas.

Explico…

Novas palavras surgem ou têm seu significado transformado de maneira a dar conta de novas realidades.  Como exemplo, a professora cita algumas palavras que passaram a existir a partir da revolução industrial: indústria, fábrica, emprego, classe média, cientista, proletariado etc. Estamos agora passando por uma nova e grande revolução, a revolução 4.0, também chamada de revolução digital, com importantes mudanças na maneira que nos locomovemos, moramos, alimentamos, relacionamos e nos comunicamos entre tantas outras.

Esta revolução demanda palavras novas ou já existentes com novo significado a fim de dar conta das transformações do nosso tempo, como inteligência artificial, e-commerce, internet, vírus, hacker ou criptomoedas.

Na pesquisa, Ana Maria analisa algumas palavras como vício, antes atribuído a um comportamento patológico caracterizado por dependência ou compulsão, que atualmente tem conotação de comportamento excessivo: somos viciados em Coca-Cola, em esportes, chocolate… algo desvinculado de associações patológicas.

Ela também menciona emergência, urgência e controle como palavras ressignificadas após o advento dos celulares, quando tudo passou a ser urgente, emergente e controlado.  A esta adaptação dos significados chamou de Deslizamento Semântico, termo que passo a adotar e disseminar, pois contém uma ótima reflexão sobre a nossa relação com a linguagem.

Adquirir novas visões implica adquirir vocabulário, uma vez que a linguagem forma nosso pensamento. O benefício? Um mundo mais amplo e maior disponibilidade para encarar o novo.

Obrigada pelos ensinamentos e pelo encontro professora Ana Maria!

Para quem quiser se aprofundar e ler o estudo da professora Ana Maria na íntegra, é só clicar:  Antigas Palavras, Novos Significados

Tipiti Simonsen Barros é fundadora do FikaConversas.
Arte: Lia Barros @aliaquefez_

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *